Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ATUALIZAÇÕES:
EDUCAÇÃO:  (30-05-2019)
CENÁRIO IMOBILIÁRIO  (28-03-2019)
ECONOMIA:  (21-03-2019)
INÍCIO:  (21-03-2019)
POLICIA:  (28-02-2019)
FUTEBOL AMADOR:  (21-02-2019)
MUNDO CRISTÃO:  (21-02-2019)
JUSTIÇA  (15-02-2019)
BRASÍLIA:  (13-02-2019)
TRABALHO E EMPREGO:  (13-02-2019)
ENQUETE:
O Novo Congresso melhorá a vida do Nordestino?
Espero que Sim
Não Acredito
Será Continuísmo
Nenhuma
Ver Resultados

ONLINE
1




Partilhe esta Página



WEB RÁDIO UNIÃO DIVINA:

POR AQUI, VOCÊ OUVE: 

"Lindos Louvores, Excelentes mensagens  e

Ler o Jornalismo das Grandes

Agências de Notícias. 

PARA OUVIR CLIQUE NO PLAY:

 

OU ACESSO AO SITE: 

   http://radiouniaodivina.com/ 

 


 

 


 

CONECTIVIDADE PARA TODAS AS NECESSIDADES:

Conecte todos seus equipamentos

através das 6 portas USBs de alta velocidade.

Sem falar nas entradas HDMI e VGA,

perfeitas para conectar um monitor

e a uma TV ao mesmo simultaneamente.

COMO COMPRAR:

 http://acesse.vc/v2/2357d8d417  

 


RESOLUÇÃO DE IMAGEM QUE IMPRESSIONA. 
 Desfrute de filmes e séries em uma tela de 11,6” IPS multi toque com incrível resolução de 1366 x 768 (HD). Você enxerga cores mais vivas e mais nítidas em um ângulo maior de visão.
CONDIÇÕES GERAIS NO LINK:

 


 

 

 


 

APRENDA A CANTAR COM:

 


 


SAÚDE DO HOMEM:
SAÚDE DO HOMEM:

 

-Atenção !!!

No rodapé tem uma caixa de comentário.

Por gentileza, deixe o seu por lá. Ou no Mural aí na coluna Esquerda.

-Muito Obrigado!

 


 

SAÚDE DO HOMEM-CAMPANHA NOVEMBRO AZUL:

02/11/2018 10:27 em SAÚDE:

10 SINAIS QUE PODEM INDICAR CÂNCER DE PRÓSTATA:

 

Alterações na urina e dificuldade para manter a ereção são sinais que podem indicar câncer de próstata, uma doença comum após os 50 anos. No entanto esses mesmos sintomas também podem ocorrer devido a alterações benignas, como na próstata aumentada, por exemplo. Por isso, é importante ir ao urologista pelo menos 1 vez por ano após os 45 anos de idade, para fazer exames de rotina, para identificar qualquer alteração prostática o quanto antes.

A próstata é uma glândula que se localiza perto do ânus e por isso o exame de toque retal é a melhor forma de avaliar sua saúde. É a próstata que produz o líquido que forma o esperma que é importante para conduzir os espermatozoides até o óvulo durante o contato sexual. 

 

CRÉDITOS: Portal Tua Saúde

Sintomas iniciais do câncer de próstata:

É preciso estar atento aos seguintes sinais, que podem indicar um tumor na próstata:

  1. Dificuldade para urinar;
  2. Diminuição da quantidade de urina;
  3. Dificuldade em interromper a passagem da urina;
  4. Vontade frequente para urinar, acordando várias vezes durante a noite para ir ao banheiro;
  5. Sensação de que a bexiga ainda está cheia, mesmo após urinar;
  6. Urinar em gotas;
  7. Dor na região dos testículos;
  8. Impotência ou dificuldade para manter a ereção;
  9. Dor ao ejacular;
  10. Presença de sangue no sêmen.

Além disso, se o câncer tiver se espalhado para outras regiões do corpo, também é comum a presença de sintomas como dor nas costas, nas coxas, nos ombros ou em outros ossos, por exemplo.

Caso surjam alguns destes sintomas, deve-se procurar o urologista para fazer exames que identifiquem alterações na próstata, como o exame de toque retal e o PSA, que é um exame de sangue.

Sintomas do câncer de próstata avançado

Nos casos mais avançados, em que a próstata está muito aumentada ou que tenha ocorrido metástase do câncer para outras regiões do corpo, os sintomas podem incluir:

  • Incontinência urinária ou fecal;
  • Fraqueza nas pernas;
  • Dor nos ossos;
  • Insuficiência renal.

Nos estágios mais avançados, é importante procurar o médico para que ele avalie a extensão da doença e se outros órgãos foram atingidos, com o auxílio de exames como biópsia da próstata, cintilografia ou tomografia computadorizada.

Tratamento para câncer de próstata:

O tratamento para câncer de próstata é feito de acordo com o estágio da doença e do estado de saúde do paciente. Normalmente o tratamento é feito com:

  • Cirurgia: é o tratamento mais utilizado, pois retira a próstata e nos casos iniciais da doença, traz a cura total;
  • Radioterapia: usada nos casos em que a cirurgia está contraindicada ou quando o paciente não quer ser operado;
  • Hormônios: são usados para controlar a produção de hormônios que promovem o desenvolvimento da doença.

Nos casos mais avançados da doença normalmente são utilizados dois desses métodos de tratamento, sendo muitas vezes necessário retirar além da próstata, os testículos também.

O aumento da próstata nem sempre é indicativo de câncer, apesar de provocar os mesmos sintomas.

 

FONTE:  http://radiouniaodivina.com/noticia/392382/saude-do-homem-campanha-novembro-azul

 

TNF: Sexta-feira, 02/11/18 - 10h53min. 

 




 

CONCIENTIZAÇÃO:

Câmara homenageia campanha de conscientização do mês do diabetes:Homenagem foi feita em sessão solene realizada nesta quinta-feira (01/11/18)

Em homenagem à campanha de conscientização do mês do diabetes, o Novembro Azul, a Câmara dos Deputados realizou, nesta quinta-feira (1), sessão solene requerida pela deputada Carmen Zanotto (PPS-SC). O dia mundial do diabetes é comemorado no próximo dia 14 de novembro. 

IMAGEM-créditos: Najara Araújo - Câmara dos Deputados

Homenagem à Campanha de Conscientização do Mês do Diabetes, o Novembro Azul
Novembro é o mês de conscientização sobre o diabetes.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 16 milhões de brasileiros sofrem de diabetes. Em discurso lido no Plenário, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), destacou que o Brasil já é a quarta nação com o maior número de casos da doença, atrás apenas da China, da Índia e dos Estados Unidos. Por isso, ele ressaltou que “o Novembro Azul é ocasião para lembrar que o combate ao diabetes deve ser política pública amplamente prioritária”.

Segundo Maia, medidas simples, como campanhas de conscientização e de estímulo à vida saudável, podem ter eficácia significativa no combate ao crescimento da doença. O parlamentar também lembrou do dever do Estado em franquear acesso universal e igualitário aos meios de promoção, proteção e recuperação da saúde. Como exemplo, ele citou a distribuição de insulina pelo SUS e a divulgação de material de conscientização.

A deputada Carmen Zanotto lembrou das dificuldades que se tinha antes para conseguir tratamento adequado do diabetes. “Quem não lembra da dificuldade que era fornecer um simples glicosímetro para um paciente controlar seu diabetes?”, indagou. “As pessoas menos favorecidas não conseguiam nem comprar as glicofitas, que hoje são fornecidas pelo Sistema Único de Saúde. Estamos avançando, inclusive, na cobrança da qualidade e da precisão dos glicosímetros que são fornecidos à nossa população”, destacou a deputada.

Em seu discurso, Zanotto ainda afirmou que acredita que as insulinas análogas de ação rápida poderão estar disponíveis nas unidades e nos serviços de saúde a partir deste mês.

Complicações:

Há graves problemas de saúde comumente associadas ao diabetes, como infarto do miocárdio, diversas infecções, perda da função renal, enfraquecimento muscular e redução da acuidade visual. Segundo a presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes, Hermelinda Cordeiro, as mortes no Brasil em decorrência de diabetes ainda são elevadas. “As complicações causam não só alteração na qualidade de vida, como também um impacto socioeconômico importante. Portanto, nós temos o dever de lutar para melhorar as oportunidades de terapias em nosso país”, afirmou.

Para Hermelinda, é preciso avançar e obter uma melhoria de medicamentos e de condições de controle da doença no serviço público de saúde. “Não é possível mais que as pessoas que não têm condições socioeconômicas e financeiras não tenham a oportunidade de receber os mesmos insumos, os mesmos controles, as mesmas oportunidades que as pessoas que representam a parcela tão pequena do nosso país, que tem poder aquisitivo maior”

Frente parlamentar:

De acordo com Rodrigo Maia, o poder público precisa avançar muito no cuidado do diabetes. Por isso, o Congresso Nacional conta com a frente parlamentar mista pela causa do diabetes, criada em novembro de 2017, composta por 218 deputados e 20 senadores, dedicada a busca de soluções para esse problema de saúde pública.

Além disso, a Câmara dos Deputados aprovou, em 2017, o PL 6754/13, que institui a Política Nacional de Prevenção do Diabetes e de Assistência Integral à Saúde da Pessoa Portadora de Diabetes. A matéria ainda será apreciada pelo Senado Federal.

FONTE: Agência Câmara de Notícias

 Reportagem – Larissa Galli - Edição – Ana Chalub

TNF: Quinta-feira, 01/11/18 - 22h22min.

 




 

CÂNCER DE PROSTATA:

Anvisa suspende lote de medicamento para câncer de próstata:

O lote 45929 do medicamento não foi aprovado em inspeção de Boas Práticas de Fabricação:

 

 

ANVISA determinou a suspensão da importação de lotes do medicamento Casodex (bicalutamida) 50mg, comprimido revestido (granel). O produto é fabricado na Alemanha e importado para o Brasil pela Astrazeneca do Brasil Ltda.   A medida foi adotada na sexta-feira (23) após uma inspeção de Boas Práticas de Fabricação feita pela Anvisa na fábrica.   Também foi determinada a suspensão da distribuição, comercialização e do uso do lote 45929, com validade até fevereiro de 2021. A empresa Astrazeneca do Brasil deverá recolher todas as unidades do lote 45929 que estejam no mercado.  O medicamento é utilizado em tratamentos de câncer de próstata. 

FONTE: Notícias ao Minuto/Portal da ANVISA

TNF: Terça-feira, 27/02/18 - 08h46min.

 




 Coceira no saco escrotal, o que pode ser? 

Além de muito desconfortável, a coceira no saco escrotal é vergonhosa para qualquer homem. No entanto, ela pode ser um sintoma de alguma coisa um pouquinho mais grave que está contaminando seu corpo. Entre micoses, fungos, parasitas ou simples falta de higiene, uma coceira na região da virilha e períneo pode ser causada por diversos fatores da saúde humana. Nesse artigo de umCOMO, vamos desvendar o que pode ser coceira no saco escrotal, além de darmos dicas de remédios caseirospara cada problema. Fique atento às dicas e continua lendo para saber mais.
CRÉDITOS: Internet

Coceira no saco escrotal e virilha:

Existe uma série de doenças que podem causar prurido (coceira) na região da pélvis. Primeiro, existem dois casos de coceira que não precisam de remédio algum. Geralmente homens que acabaram de se depilar com ceira na região podem sentir a coceira devido ao crescimento de pelos. Se você está há tempos sem tomar banho, é provável que esse seja o motivo da coceira. A falta de higiene é uma das principais causas da coceira no saco escrotal. No entanto, existem algumas outras coisas que podem causar a coceira no saco escrotal, como a alergia no sacro escrotal e a candidíase no saco escrotal.

Alergia no saco escrotal:

alergia no saco escrotal pode ser causada por diversos motivos. Mas o mais comum é a utilização de um tecido de cueca que não é de seu costume. Existem alguns homens que ao usar uma cueca acabam com vermelhidão e prurido na região da virilha, portanto, a melhor solução para uma alergia no saco escrotal é a interrupção da utilização dessa peça de roupa.

Além disso, para reduzir a coceira e a vermelhidão da alergia no saco escrotal, é importante fazer uma boa secagem da região depois do banho, além de evitar utilização da água quente na virilha. Nosso artigo Como curar o escroto irritadotem algumas dicas para quem deseja curar a comichão no saco escrotal.

Remédio caseiro para coceira na virilha masculina

Existem diversos tipos de remédio para fungo no saco escrotal que podem ser úteis na hora de tratar o prurido. Basta você ter um pouquinho de frequência na aplicação. Posso afirmar que as pomadas dos médicos dermatologistas podem ser mais eficazes, mas as alternativas caseiras são bem mais baratas do que o normal. Recomendamos que antes de testar nossas dicas,  ao dermatologistae ouça suas recomendações. Ele conhece os melhores remédios para fungo no saco e poderá te dar dicas com grande precisão.

Um remédio para coceira no testículo e virilha que pode ser muito eficaz é o extrato de própolis, encontrado em qualquer farmácia por um baixíssimo valor. Aplicando algumas gotinhas duas vezes por dia na região do prurido, a coceira na virilha irá desaparecer em alguns dias. O vinagre de maçã também é uma boa pedida pra quem deseja retirar as micoses, fungos e alergias da região do saco escrotal. Outra remédio caseiro para coceira na virilha masculina é a aloe vera, que recupera a derme e reduz a coceira das alergias.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

 

FONTE: UMCOMO.COM 

TNF: Terça-feira, 06/02/18-12h36min.

 

 







 

CANDIDÍASE NO HOMEM:

 Causas, Sintomas e Tratamento. 

A infecção pelo fungo Candida albicans não é uma exclusividade das mulheres. Homens também podem ter candidíase na região genital. 

 

CRÉDITOS: MD Saúde

A candidíase no homem se manifesta como uma infecção da glande ou do prepúcio, que são chamadas, respectivamente, de balanite ou balanopostite por cândida.

Assim como nas mulheres, a candidíase nos homens não é necessariamente uma infecção adquirida pela via sexual; até bebês e pessoas sem atividade sexual podem desenvolver a infecção por esse fungo.

Neste artigo abordaremos os seguintes pontos sobre a infecção por Candida em homens:

– O que é candidíase?

– Fatores de risco para candidíase nos homens.

– Sintomas da candidíase em homens.

– Tratamento da candidíase nos homens.

Neste texto vamos falar exclusivamente da candidíase peniana.

O que é candidíase:

A Candida, cuja espécie mais comum é a Candida albicans, é um fungo que pode ser encontrado colonizando a pele, boca, órgãos genitais ou trato gastrointestinal de até 80% da população.

Em situações normais, a simples presença da Candida no nosso organismo não representa nenhum perigo. O nosso sistema imunológico é bastante eficaz em controlar a população deste fungo, fazendo com que ele exista apenas em pequena quantidade na nossa pele.

O problema com o fungo Candida surge quando o nosso sistema imunológico encontra-se enfraquecido e/ou quando há uma súbita alteração na flora natural de bactérias da nossa pele, como nos casos de uso prolongado de antibióticos. Essas alterações tornam o nosso organismo um ambiente mais propício para a proliferação da Candida, que passa a se reproduzir sem limitações, podendo infestar a pele e invadir tecidos mais profundos, provocando intensa reação inflamatória.

Candidíase é o termo que usamos para designar a inflamação provocada pela invasão do fungo Candida. Ter Candida na pele de forma assintomática é, portanto, diferente de ter a doença candidíase.

A candidíase pode acometer diversos órgãos diferentes, sendo a pele, os órgãos genitais e a boca os sítios mais comuns. Em casos mais graves, geralmente em pacientes com imunossupressão severa, a Candida pode acometer órgãos internos, como esôfago, laringe, rins, coração e até o sistema nervoso central.

Fatores de risco para candidíase nos homens:

Na imensa maioria dos casos, a candidíase não é uma doença adquirida através de outras pessoas. A candidíase surge porque o seu organismo perde a capacidade de controlar o crescimento da população de Candida que normalmente vive na sua pele. Isso explica por que bebês, freiras e mulheres sem atividade sexual recente podem desenvolver candidíase na região genital.

Em alguns casos, porém, principalmente na candidíase peniana, a Candida pode ser transmitida por via sexual. Se a vagina da mulher estiver colonizada com grandes populações de Candida, durante o ato sexual uma grande quantidade do fungo pode ser transferida para o pênis, aumentando o risco de balanite.

O desenvolvimento ou não da balanite por Candida vai depender da capacidade do sistema imunológico do homem em lidar com essa grande população de fungo recém adquirida.

Portanto, não basta ter a Candida na genitália, é preciso que o fungo se sinta livre para se multiplicar. Alguns fatores aumentam o risco de candidíase, são eles:

– Diabetes mellitus (leia: O QUE É DIABETES MELLITUS).

– Parceiras com múltiplos episódios de candidíase vaginal.

– Uso de fraldas (seja em bebês ou idosos).

– Uso recente de antibióticos (antibióticos matam apenas bactérias, que são germes que competem por alimentos com os fungos).

– Má higiene do pênis.

– Doenças imunossupressoras, como HIV(leia: SINTOMAS DO HIV | AIDS).

–Uso de glicocorticoides ou outras drogas imunossupressoras

(leia: PREDNISONA E CORTICOIDES | Indicações e efeitos colaterais).

– Quimioterapia.

– Desnutrição.

– Uso de drogas pesadas.

O risco de balanite por Candida parece ser menor em homens circuncidados (leia: CIRCUNCISÃO | Riscos e benefícios).

Sintomas da candidíase em homens:

Como já referido, a infecção peniana pela Candida se manifesta habitualmente como uma balanite ou balanopostite, que é a infecção da glande e do prepúcio.

Os sintomas mais comuns da candidíase no homem são a vermelhidão, inchaço e a dor na glande. Placas brancas, semelhantes às que ocorrem na língua na candidíase oral, também são comuns no pênis. As lesões podem causar coceira e frequentemente há ardência após o ato sexual. Também é comum o surgimento de pequenas bolhas, úlceras, feridas, descamação da pele ou corrimento purulento pela uretra. 

Candidíase em homemFotos de candidíase no homem. Clique para ampliar.

-Atenção !!!

As fotos contidas